domingo, 31 de janeiro de 2010

ANIVERSÁRIO.

Hoje, 31/01/2010, este blog completa um ano. Até o momento foram mais de 153.800 visitas, o que dá uma média acima de 12.800 por mês ou mais de 420 visitantes diários. Por isso quero agradecer a cada um daqueles que por aqui passaram durante todo esse tempo, e mais ainda aos 112 seguidores da página.




E escolhi como imagem comemorativa esta foto, que foi a primeira de todas. Momentos após chegar ao apartamento do DONO de mim para começar a iniciação, pondo-me de joelhos diante DELE. O início de tudo, quando comecei a tornar-me uma escrava de verdade, em 24 de agosto de 2007. E só o que desejo é que este blog se continue com cada vez mais imagens da servidão diária à qual me submeti e me manterei fiel indefinidamente, com as bênçãos do Universo.

A PRIMEIRA APRESENTAÇÃO EM PÚBLICO.


Os proprietários de uma casa de swing aqui de Recife nos convidaram para realizarmos uma apresentação simples sobre o SM lá. Isso aconteceu na madrugada desse último sábado. Estava bem ansiosa, mas com a condução do DONO de mim tudo se tornou mais fácil. Na verdade era mais um certo receio de como os frequentadores reagiriam, já que tratava-se de um público leigo sobre o assunto.



No início ELE me levou até o palco pela guia e me exibiu fazendo com que desse duas voltas ao redor da pole dance, com os braços e pulsos presos às costas e os tornozelos acorrentados.



Estava vestida apenas com um corset de couro que o SENHOR de mim adquiriu exatamente para aquele evento, além de uma mordaça-barra, venda vazada, e brincos de bolinhas metálicas pendendo dos piercings nos mamilos.



Em seguida passeei de quatro como cadelinha para depois ser algemada à pole, onde recebi duas surrinhas leves com floggers e pingos de vela nas nádegas.



Após as velas, tapas e carinhos do DONO.



Aqui novamente sendo aprisionada com os braços para trás.



E o encerramento com o beijo delicioso DAQUELE que me tem.

sábado, 30 de janeiro de 2010

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

TORTURAS ERÓTICAS.

























O corpo imobilizado pelas pulseiras e correntes, o aperto do arreio, os prendedores esmagando mamilos e lábios vaginais. Dores e tensão contínuas e intensas. Mas apesar e ao lado de tudo isso, uma excitação tremenda pela expectativa do estupro que viria em seguida.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

AO AR LIVRE.













Algemada à árvore entre a praia e a floresta.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

NO "X" .







Mais um castigo aparentemente fácil de ser vencido, mas as correntes estavam fechadas diretamente sobre a pele, e o corpo bem esticado mantendo-me nas pontas dos pés. Isso tudo provocou dores atrozes que me fizeram pedir clemência antes que se completassem 30 minutos.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

UM CASTIGO HABITUAL.























Acorrentada com os braços esticados para cima, ajoelhada, e com os tornozelos presos às coxas para impedir qualquer tentativa de levantar-me.